Postagens

Mostrando postagens de setembro 25, 2008

Mil e uma utilidades

Imagem
A seguir, trechos de matéria publicada na Mundo dos Super-Heróis. Capa, máscara, luvas e... cinto. A peça final da seqüência de transformação de Bruce Wayne em Batman é muito mais do que um adereço no visual do herói. Presente no imaginário popular, o cinto de utilidades (Utility belt, no original em inglês) reúne um amplo e exclusivo leque de ferramentas para combater o crime. Os principais são o tradicional batarangue – um bumerangue estilizado na forma de morcego –, o controle remoto do batmóvel e a batcorda. Isso sem contar lanternas, medicamentos, máscaras contra gases e até um minicilindro de oxigênio. O cinto de utilidades estreou nos gibis em 1939, na edição 29 da Detective Comics e já se apresentava como peça de destaque no figurino soturno do herói que, na época, andava armado. Com o tempo, o cinto virou parte da mitologia batmaníaca, assim como a batcaverna, o batmóvel e o batsinal. E engana-se quem acha que o Batman tem o seu. Robin, o menino-prodígio e outros membros mas